quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

De A a Z: Dicas para escritores

Fábio Fernandes é um nome conhecido entre os leitores de ficção fantástica no Brasil. Tradutor e escritor, diga se de passagem um dos melhores do gênero no país, com textos publicados tanto no Brasil como no estrangeiro, Fernandes estudou com Neil Gaiman e Samuel Delany na Clarion West Writers Workshop de Seattle, é professor da PUC de São Paulo e desenvolve um importante trabalho de pesquisa sobre as mídias sociais.
De A a Z: Dicas para escritores é um breve compêndio alfabético no qual Fernandes reuniu um pequeno mas valioso lote de conselhos úteis para escritores, inclusive os experientes, uma vez que ninguém está livre de adquirir cacoetes indesejáveis.
Algumas letras têm mais de um verbete, que pode ser tão inspirador quanto "Bunda", "Gaveta", "Síndrome da folha em branco" ou "Zona de conforto", tornando a leitura uma experiência divertida, apesar de rápida: dá para ler tudo em pouco mais de meia hora.
A edição em ebook é uma opção do autor, entusiasta do formato desde a sua criação, no final do século. Tanto que seu primeiro livro, a coletânea Interface com o vampiro, publicada em 2000, foi um dos primeiros ebooks profissionais no país, editado pela extinta editora Writers.
De A a Z: Dicas para escritores está disponível para dispositivos Kindle e pode ser adquirido aqui. Mas prepare-se para ter questionadas algumas certezas sobre a arte da escrita.

Megalon 72

Depois de lançar sua última edição em 2004, o fanzine de ficção científica e horror Megalon volta à cena com uma edição totalmente dedicada ao escritor britânico Arthur C. Clarke, um dos grandes mestres da ficção científica, cujo centenário de nascimento se comemora no próximo dia 16 de dezembro.
Quem conhece o Megalon sabe que as pesquisas que publica são muito bem produzidas, com profundidade sem paralelo no país.
A edição tem 60 páginas com uma extensa pesquisa bibliográfica sobre a obra do autor: sua ficção longa e curta, os livros de não-ficção e divulgação científica, e também os muitos trabalhos publicados sobre a sua obra.
A edição impressa pode ser adquirida com o editor pelo email marcellobranco@ig.com.br, mas uma versão em pdf está disponível gratuitamente aqui.

Argos 2017

O Clube de Leitores de Ficção Científica-CLFC divulgou os títulos dos livros finalistas da edição 2017 do Prêmio Argos, que aponta, na opinião de seus membros, os melhores trabalhos nacionais publicados no Brasil em 2016 nas categorias Romance, Conto e Antologia. São eles:

Melhor romance
A Bandeira do Elefante e da Arara, Christopher Kastensmidt, Devir Livraria
O caminho do Louco, Alex Mandarino, Editora Avec
O esplendor, Alexey Dodsworth, Editora Draco
A fonte âmbar, Ana Lúcia Merege, Editora Draco
O último refúgio, João Beraldo, Editora Draco

Melhor conto
"Amor, uma arqueologia", Fabio Fernandes (Trasgo 11)
"Auto-retrato de uma natureza morta", Octavio Aragão (Crônica da guerra dos muitos mundos, Volume 1)
"O domo, o roubo e a guia", Roberta Spindler (Dinossauros, Editora Draco)
"O grande livro do fogo", Ana Lúcia Merege (Medieval: Contos de uma era fantástica, Editora Draco)
"A noviça escarlate", Luiz Felipe Vasques (Crônica da guerra dos muitos mundos, Volume 1)

Melhor antologia ou coletânea
Crônicas da guerra dos muitos mundos, Volume 1, Rita Maria Felix da Silva, org.
Dinossauros, Gerson Lodi-Ribeiro, org., Editora Draco
Estranha Bahia, Alec Silva, Ricardo Santos e Rochett Tavares, orgs., Editora EX!
Medieval: Contos de uma era fantástica, Ana Lucia Merege e Eduardo Kasse, orgs., Editora Draco
Mistérios do mal, Carlos Orsi, Editora Draco

A novidade desta edição é a volta dos prêmios em dinheiro para os vencedores, como acontecia nas primeiras edições do Argos, além dos tradicionais troféus.
Os vencedores das serão revelados na cerimônia de premiação, no dia 16 de dezembro de 2017, das 13 às 18h, no Auditório da Sala A-206 da Universidade Veiga de Almeida, Campus Tijuca (Rua Ibituruna, 108, Rio de Janeiro). Também será entregue um prêmio especial póstumo ao editor Douglas Quinta Reis, recentemente falecido.
Parabéns a todos.

Cine Makabro 1

Inspirado pelo IV Festival Boca do Inferno, acontecido em São Paulo no final de novembro,  Cine Makabro é um fanzine dedicado gênero do horror (infelizmente, o editor não foi creditado).
A edição tem 22 páginas e conta com colaboração de especialistas do gênero como Renato Rosatti, Marcello Milici, Iam Godoy e Paulo Teixeira. Publica uma programação ilustrada do referido festival, artigos sobre filmes, sobre rock macabro e sobre a produção nacional de horror.
Cine Makabro está disponível para download gratuito aqui.

Dunya

Continuando sua missão de levar aos infiéis a mensagem da ficção científica, o escritor Tibor Moricz lança um novo título em ebook, desta vez o inédito Dunya. 
Conta a história de uma colônia de mineradores num planeta inóspito habitado por uma raça igualmente hostil.
Moricz, que já colocou a disposição alguns de seus livros anteriores (Fome, Síndrome de cérbero, O peregrino, Filamentos iridescentes) é conhecido pela ousadia temática e crueza com que apresenta os dramas humanos, sempre muito agudos e contundentes.
Dunya está disponível para os leitores Kindle e pode ser adquirido aqui.

Conexão Literatura 29 e 30

Foi só piscar e apareceram logo duas edições da revista eletrônica Conexão Literatura, editada por Ademir Pascale pela Fábrica de Ebooks.
A edição 29, publicada no finalzinho de novembro, tem 43 páginas e a matéria de capa destaca a obra do poeta e pintor britânico William Blake (1757-1827). Também dá o devido crédito ao conto vencedor do concurso promovido pela revista, de autoria de Almyr Araujo, publicando o texto premiado e entrevistando o autor. Também aparecem contos de Míriam Santiago e Amanda Leonardi, entrevistas com os escritores Hiran Murbach (Quase esquecidos) e Victor Bonini (O casamento), e artigos de Marissa Fernandes Thutor e Rafael Botter.
A edição 30, publicada poucos dias depois, tem 89 páginas e destaca na matéria da capa o psicógrafo Hercílio Maes. Ainda entrevista os escritores JP Santsil (O filho daquela que mais brilha), André Wagner Rodrigues (Sofia, a menina que gostava de filosofar), J. Sterling (Eu odeio você), Jonadabe Vieira (Do sonho à realidade), William Tannure (O legado da ruína), Gil Epifânia (Arquivos da vida), Samuel Caitano (Aprovados em Cristo), Carla Krainer (Júlia), Celeste Santos (Verdelândia), Renata Ribeiro (O enigma da noite sem fim) e Roberto Martins de Souza (Histórias e memórias de idosos analfabetos), artigos de Míriam Santiago, Rafael Botter, Marissa Fernandes Tuthor e Eudes Cruz, além de um conto do editor.
A revista é gratuita e edições anteriores também estão disponíveis.

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

O castelo dos homens mecânicos

Está disponível a aventura de ficção científica O castelo dos homens mecânicos, quarta parte da série Liga Mundial, que já conta com os volumes O fantasma do apito, O clube da Luluzinha e O olho mortal.
Dessa vez, as estudantes Fátima, Andréia e Carol, acompanhadas da detetive vidente Irina, seguem num dirigível rumo ao castelo do vilão Conde Bruxelas, nos Alpes, para o que pode vir a ser um confronto definitivo.
Escrita por Miguel Carqueija e Melanie Evarino, a novela tem prefácios de Cesar Silva e Chico Martellini, e um posfácio de Ronald Rahal.
O arquivo, em formato de texto, pode ser baixado gratuitamente aqui.